Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hela

Another blog, same thing. ✨ Aqui falamos de moda, tendências, opiniões e muito mais.

04
Set19

Como mudei o rumo do blog

Tita Vicente

Inicialmente quando entrei no mundo dos blogs, criei-o para ser uma espécie de diário virtual onde iria como que apontar as coisas que se passavam no meu dia. Claro que o blog era anónimo e que os nomes eram trocados - não fosse alguém descobrir -, mas mesmo com o passar dos anos essa ideia foi-se mantendo, mais ao menos pública do que era o meu dia-a-dia. 
Quando regressei ao mundo dos blogues, em 2017, sabia que queria fazer algo de diferente. Não queria um diário online, mas também não queria um blog sobre moda apenas. Queria um espaço onde eu me pudesse expressar livremente e falar não só sobre acontecimentos do dia-a-dia, mas também de assuntos que me interessam e sobre a atualidade. Um espaço que fosse meu, mas que também captasse a atenção de quem por aqui viesse. 
Confesso que no início foi difícil, estive muitas vezes perdida e sem rumo, pois não sabia bem o que queria fazer. Tinha imensas vezes crises de criatividade (mas isso é assunto para outra publicação). Quando comecei a pensar a sério no que queria realmente fazer com este cantinho, percebi que algumas coisas teriam de mudar. Foi assim que deixei o "22 e agora?" para trás e surgiu o Hela, no início de Maio. O Hela, é para mim, a minha versão adulta e (um pouco) mais madura de quem eu sou. Acho que finalmente acertei com o rumo que queria para o blog e isso deixa-me extremamente feliz, até mesmo pelo feedback que tenho recebido. O problema é que eu adoro escrever e sempre me fez bem escrever sobre o que se passa comigo e com a minha cabeça. Já não fazia sentido escreve-lo no blog e foi assim que surgiu outra paixão: o journaling. O processo foi simples: fui à Tiger comprar um caderno liso de capa preta e comecei a escrever todas as noites sobre o meu dia. Graças ao journaling consigo apresentar uma versão mais clean e madura (espero eu) daquilo que quero falar e não ser um blog diário como foi noutros tempos. 
Eu cresci e inevitavelmente o blog cresceu comigo. 

Qual é a vossa relação com blogues? 

8 comentários

Comentar post