Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hela | Moda e tendências

Um olhar diferente sobre a moda. ✨ Aqui falamos de moda, tendências, opiniões e muito mais.

24
Set19

#SetembroSemCarne - Quase a terminar

Tita Vicente

Vamos falar do #SetembroSemCarne? Vamos. Ora então, já estamos a poucos dias do fim do mês e qual é o balanço até agora? Já “falhei” algumas refeições. Uma noite tive um jantar com amigos e não queria ser a “esquisita”, nem tão pouco dava para cozinhar algo e levar porque tinha passado o dia fora de casa e não ia andar um dia inteiro com comida atrás. Depois houve um dia que fui jantar ao Frankies - para quem não sabe este é provavelmente o meu restaurante preferido em Lisboa – que é uma espécie de tradição que tenho com uma amiga minha porque quando decidimos jantar é quase sempre lá que vamos. E a última falha foi no domingo passado quando comi arroz de pato.

Se formos pesar na balança que já tive 24 dias de desafio (comecei no dia 31 de agosto), acho que ter falhado três refeições não faz assim tanta moça no desafio. No entanto confesso que não consegui por em prática tantas receitas como queria ou gostaria. A minha ideia inicial até era partilhar aqui no blog algumas delas, mas a verdade é que testei muito poucas receitas e habituei-me mais a jogar com o que tinha no armário/frigorifico. Aprendi a misturar muitos legumes, algo que não costumava fazer. Percebi que gosto de lentilhas e que me estou a tornar completamente dependente de cogumelos frescos. Durante estes dias de desafio não senti vontade de comer carne, a única coisa que tenho alguma saudade é de comer picanha, mas como é uma coisa que só costumo comer quando vou a casa sinto que é como se ainda não tivesse ido a casa. De resto, comer em restaurantes ou shoppings tem sido sempre bastante tranquilo e acho que foi mais simples do que pensava, mas creio que o desafio tinha sido bastante maior se tivesse também ficado sem comer peixe ou derivados.

Vou levar o desafio até ao fim e tentar ser mais criativa nestes próximos dias. Depois de acabar o mês pretendo continuar a fazer menos refeições com carne, tal como tenho feito este mês.

Já agora, gostariam de saber mais sobre se notei diferenças na carteira?

08
Set19

#setembrosemcarnept - Primeira semana

Tita Vicente

Depois de ter falado que no mês de setembro ia tentar não comer carne, questionei-vos se gostariam de saber como estava a ser o desafio para mim e visto que tanta gente respondeu que sim, aqui estou eu. Portanto, todas as semanas, ao domingo, durante o mês de setembro irá sair uma publicação a contar os maiores desafios da semana e falar um pouco da alimentação que fiz. Vou também tentar deixar-vos aqui algumas receitas que for encontrando para vos inspirar, quem sabe.

Antes de vos falar propriamente da minha experiência quero já deixar aqui um pequeno disclaimer de que eu não sou nutricionista, nem médica, nem algo parecido! Para fazer este desafio vi vários vídeos de nutricionistas no YouTube e comecei a seguir pessoas que já levam este tipo de dietas há vários anos. Procurem sempre ajuda profissional.

Eu comecei este desafio – não propositadamente – no dia 31 de agosto o que faz desta a primeira semana completa de desafio. Neste momento o balanço é positivo. Consegui passar a semana sem comer carne alguma e também não senti qualquer falta dela. Tal como vos tinha dito anteriormente eu já estava um pouco “enjoada” de comer sempre o mesmo e acho que também por isso esta semana foi mais fácil.

O fim de semana foi passado na praia, por isso, foi obrigatório optar por comidas mais leves. Optei por levar sandes, fruta, tomates cherry e bastante água para hidratar. Os jantares foram apenas sopa, pois como chegava tarde não tinha grande vontade para cozinhar. Nos primeiros dois dias da semana estive mal do estômago, o que me deixou resumida a comer sopa e fruta durante dois dias. A sopa foi basicamente um elemento que passou, novamente, a fazer parte da minha ementa diária. É algo que eu costumo comer com regularidade e que sempre gostei bastante e que nesta aventura, no meu ver, ajuda a dar um boost de energia e a sentir-me mais saciada.

Na quarta, ao almoço, continuei apenas a comer sopa e fruta, mas ao jantar como fui ao concerto da Billie acabei por comer no shopping. A minha escolha lá foi uma sandes de salmão na Pans. Quinta feira a refeição ao almoço passou por uma sopa e uma veggie bowl de quinoa da Iglo. Estes preparados congelados são muito práticos e muito bons! O meu preferido é este que vos falei em cima, mas já os experimentei a todos. O continente também tem uma versão low cost deste produto!

Nos últimos dois dias da semana, fiz uma pequena asneira. Na sexta feira tinha um almoço da empresa e na ementa para entrada havia um carpaccio de novilho com molho pesto e eu não fui capaz de não provar, o resto do almoço voltei para a linha e pedi um lombo de atum com um molho diferente. Ao jantar a minha mãe fez uma mistura de legumes com alguns camarões cozidos. Ontem ao almoço voltei a repetir uma sandes da pans e ao jantar  fui ao sushi com os meus pais. 

A primeira semana do desafio está concluída com sucesso e um pequeno deslize. Confesso que achei que iria ser mais complicado. E vocês, eram capazes de embarcar neste desafio? 

 

Atenção: o facto de eu estar mal disposta não teve nada a ver com o facto de não comer carne, eu simplesmente comi algo estragado ou estava com o estômago mais sensível e algo me caiu mal.

07
Set19

Cozinha para totós #1 - Hambúrgueres de grão de bico

Tita Vicente

Como para o desafio #setembrosemcarnept vocês me pediram para partilhar receitas rápidas e simples, aqui estou eu para responder aos vossos pedidos. É assim que surge o “Cozinha para totós”, aqui vou partilhar receitas que já testei e que gostei. Não prometo uma regularidade semanal ou algo do género porque eu tenho um problema: não sou grande fã de cozinhar.

Eu gosto de ser prática e de passar pouco tempo na cozinha, por isso, quando embarquei neste desafio sabia que estes dois requisitos iam ser cruciais para o seu sucesso. A primeira receita que decidi experimentar foi algo que já queria tentar fazer há bastante tempo, hambúrgueres de grão de bico. A receita é super simples e na verdade a minha curiosidade deve-se toda às maravilhas que a youtuber Niina Secrets fala deles.

A receita é muito simples e com ingredientes básicos. Eu apenas errei na primeira vez porque não deitei aveia suficiente, mas mesmo assim ficaram super saborosos e ainda tenho alguns congelados para o futuro. Para terem uma ideia uma lata de grão de bico cozido deu-me para seis unidades o que é bastante razoável e já deixa aqui margem para algumas refeições. Agora vamos ao que interessa que é a receita em si:

  • 1 lata de grão de bico cozido
  • 1 chávena de café de aveia
  • Cebolinho q.b.
  • Salsa q.b.
  • Limão espremido q.b.
  • Cenoura q.b.

Estes são os ingredientes principais, eu ainda temperei com sal e um pouco de pimenta branca. Depois coloquei-os no forno com um fio de azeite por cima para não agarrem e voilà, hambúrgueres de grão de bico prontos. Vou deixar-vos aqui o vídeo da receita que eu segui, existem muitas pela internet fora, mas quase todas são dentro do mesmo género, variando apenas os temperos na sua maioria.

E que tal, para primeira receita, gostaram? Vão experimentar?

02
Set19

Setembro dos recomeços

Tita Vicente

Não sei para vocês, mas para mim, mesmo depois de já não ser estudante, setembro continua a ser visto como um novo recomeço. É quase uma espécie de ano novo novamente. Setembro sempre significou realinhar os pensamentos, tomar novas decisões e repensar as antigas, de criar novos desafios para os últimos meses do ano. 

Este setembro é sinal de regresso ao ginásio e de um desafio que gostava muito de levar até ao fim onde me propus a passar este mês sem comer carne. Calma, não pretendo virar vegetariana, mas a verdade é que já há algum tempo que não tenho vontade de comer carne e que sinto que estou sempre a comer a mesma coisa. Por isso, quando vi o desafio que andava a circular na internet #setembrosemcarnept, decidi juntar-me a ele. Comecei no dia 31 de agosto, involuntariamente, mas confesso que estes dois primeiros dias não senti falta absolutamente nenhuma da carne. Andei a pesquisar receitas novas na internet e sobretudo substitutos de carne que os vegetarianos costumam usar. Consegui ainda arrastar a minha mãe para o desafio, o que parecendo que não me deixa com uma motivação extra, pois acabamos por trocar imensas ideias de comidas que podemos fazer. 

Ao longo do mês de setembro estou a pensar fazer um update semanal, talvez ao domingo, aqui no blogue para vos contar um pouco mais dos desafios que sinto e das comidas que fiz. Gostavam de ver?